Pesquisar
Nossos Materiais

Ir para os materiais 

Contabilidade para dentistas: 10 dicas para fazer de forma eficiente

A atuação profissional traz demandas que a gente nem imagina: montar um consultório odontológico pode fazer você precisar de uma boa sala, equipamentos especiais, espaços de armazenamento – e, para além desse espaço físico, também toda uma organização empresarial. Assim, a contabilidade para dentistas é uma dessas etapas de planejamento. 

Muitas vezes, o profissional não ouviu falar muito, mas sabe que precisa dar conta da contabilidade no dia a dia. Temos certeza de que sua técnica de atendimento é ótima, mas é necessário, sim, manter todo o aparato funcionando corretamente para que a Receita Federal tome conhecimento dos seus rendimentos e valide sua prática legalmente.

Neste artigo, vamos trazer as dicas mais importantes para que a sua atividade esteja com os trâmites fiscais e tributários em dia – deixando-o tranquilo para atuar no que é necessário junto aos seus pacientes.

Como fazer a contabilidade de um dentista? 

O primeiro passo da sua empresa junto à contabilidade é justamente no momento da abertura do negócio. Sim, porque embora seja possível e legal trabalhar diretamente com seu CPF, são conhecidas as vantagens de se atuar dentro de um CNPJ. 

Nessa hora muitos se perguntam se dentista pode ser MEI – justamente por entenderem que esse é o modelo de trabalho com maior lucratividade. E é aí que você descobre que uma boa assessoria contábil pode te indicar um caminho ótimo, mesmo que o MEI esteja fora das possibilidades para a sua profissão.

Além disso, é a contabilidade correta que permite que você mantenha um relacionamento saudável com os órgãos fiscalizadores, e evite multas impostas para casos em que não existe a correta declaração dos valores recebidos – ou mesmo pague mais impostos do que deveria pela má gestão. 

Entram na rotina da contabilidade dos dentistas um bom fluxo de caixa, para que o profissional acompanhe entradas e saídas, bem como uma assessoria contábil de qualidade – que cuide das atividades contábeis com eficiência.

10 dicas para acertar na contabilidade para dentistas

Elencamos aqui uma série de tópicos que podem te ajudar a entender um pouquinho mais sobre a contabilidade na área odontológica: confira nossos toques e verifique se não está na hora de trocar seu serviço contábil.

– Escolha seu formato de atuação: Liberal ou CNPJ

– Tenha constas pessoais e profissionais separadas

– Saiba qual é o melhor Regime Tributário para atuar

– Confira se a documentação está em dia

– Mantenha uma assessoria contábil com diálogo facilitado

– Saiba das finanças do seu trabalho

– Mantenha controle do Fluxo de Caixa

– Evite erros, usando sistemas automatizados

– Mantenha em dia as guias de impostos

– Emita notas fiscais para seus pacientes

Se você atua como profissional liberal e ainda opta por trabalhar como autônomo, sem CNPJ, venha conhecer as vantagens de abrir uma empresa. A Cont4Doc pode te ajudar oferecendo consultoria e suporte em todas as etapas da transição.

Gostou? Compartilhe nas redes:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados
plugins premium WordPress